Sanjon no Porto Novo de Santo Antão

0
0
0
s2sdefault

Não há outra festa de “ Sonjon” em Cabo Verde que se equipara a de Porto Novo, na ilha de Santo Antão. Quem vive e sente esta festa, não consegue ficar indiferente aos ritmos, aos cheiros, risos e “ sabura” que a festa de “senhor sonjon Betista” proporciona.

Para quem não sabe, a festa de São João Batista enquadra-se nas festas de romaria nacionais e constitui um dos elementos mais expressivos da cultura cabo-verdiana.

A magia da festa de São João traz com ela uma lufada de ar fresco para a pacata cidade do Porto Novo. Representa não somente ganhos culturais e religiosos, como também económicos.

23

@http://www.matrizpci.dgpc.pt/

É então que as pessoas aproveitam a ocasião para ganhar algum dinheiro que não conseguiram nos meses anteriores. Abafadouro é a zona onde se centraliza a maior parte das festividades. É invadida por uma diversidade de barracas, transformadas em “restaurantes”, onde se encontram as iguarias da terra: linguiças, milho verde, funguim, cuscuz, carne assada entre outras.

E como não podia deixar de ser, o grogue que percorre o sangue dos tamboreiros e faz com que estes ganhem mais força para repicar o tambor de uma forma indescritível. Os terraços das casas circundantes, transformam-se em verdadeiras discotecas, compensando a falta de espaços para tanta gente. As entidades locais traçam a agenda para que tudo esteja nos conformes.

A feira agro-pecuária, corridas de atletismo, corrida de botes e a tradicional corrida de cavalos, entretêm os muitos visitantes que escolheram Porto Novo para festejar.

Diferentes locais da cidade e a zona rural de Ribeira das Patas, entram em cena num desfile de Sanjon que remete para um passado diferente, mas intenso.

 

 

13559116 njfqn

@http://fotos.sapo.cv/

Um passado vivenciado pelos nossos antepassados que fincaram as raízes da festa de romaria em Porto Novo.

As mulheres usam trajes antigos, com lenços de seda e aventais atadas à cintura, com balaios na cabeça, repletos de comes e bebes. Os homens apresentam-se de calças roladas até os joelhos, transportando ramos devidamente ornamentados com mandiocas, banana verde, flores de cana-de- açúcar…

Os figurantes, embriagados pelos ritmos do tambor, dançam o vibrante cola sanjon e vociferam “oh sabe! Cola san jon! Não é possível a ninguém ficar indeferente.

Entretanto, o ponto alto de todas as festividades é a peregrinação de 20km, desde a Ribeira das Patas até a cidade de Porto Novo, feita por milhares de pessoas, oriundas não somente de Santo Antão mas também das ilhas vizinhas e da diáspora.

Durante a peregrinação, não é de se espantar se nos depararmos com pessoas trajadas com vestes feitas de saco, com grandes pedras na cabeça ou com bilhas cheias de feijão, milho e sementes.

As sementes representam um apelo à chuva, à boa sementeira e à bonança. Chegados à cidade, o Santo é recebido com toda a euforia e levado para a capelinha da igreja, onde, segundo a lenda, “Sonjon” quando viu que Porto Novo se enchia de gente fugiu dali para a Ribeira das Patas.

A festa culmina então com a solene missa e a célebre procissão com gente apinhada nas ruas, antes praticamente vazias.

A festa de São João cativa, contagia e mata toda a nostalgia existente… Vale a pena!

@Aníria Teixeira

Mais Lidos

Sobre tourCVSobre tourCV
24 Mar. 2017
Santa LuziaSanta Luzia
23 Mar. 2017
SantiagoSantiago
14 Mar. 2017
Sinta
a cultura.
Cabo Verde
as ilhas.
Explore o horizonte.
Image is not available
Publicite as suas promoções com a tourCV

Alugue um espaço este espaço e potencialize o seu negócio no turismo em Cabo Verde.
Entre em contacto conosco e saiba mais.

@Hellio Van-ingen

Image is not available
Viaje pelas ilhas conosco!
Image is not available
Image is not available
Conheça
Cabo Verde
Image is not available
Registe-se na nossa comunidade
Image is not available
Arrow
Arrow
Slider

contacte-nos

___________

 

  Faça parte desta comunidade.

 

tourcv2 75

© 2017 tourCV. All Rights Reserved. Designed and Developed by iDE!A